Make your own free website on Tripod.com

 

 
Parte nº1 - O carro é coberto com plásticos, afim de preservar a lataria sem arranhões
 
 
 
 
 
Parte nº2 - Desmontagem

 

 Nesta fase, o automóvel é desmontado. São retirados os vidros, os bancos, painel,vidros e toda a tapeçaria  do veículo. Portas, colunas, teto e outras áreas vulneráveis recebem forros de aramida.Trata-se de um material resistente a impactos e que pesa menos que o aço, porem cinco vezes mais resistente.Algumas empresas possuem tecnologia própria, e em alguns níveis de blindagem é usado também o aço.

 

 

 

 
 
 

Parte nº3 - Blindagem da Carroceria

 

  Nesta etapa do processo, a habitáculo do veículo será revestido pelo material que irá impedir a penetração do projétil em seu interior. A blindagem compreende as portas, teto, colunas, parte posterior do painel e todas as demais regiões de chapa, vulneráveis no automóvel.- Aramida ou Polietileno: formados por fibras leves de alta resistência, são materiais compostos, leves, semi-rígidos, que não perdem suas propriedades balísticas em função do tempo ou de agentes externos:
- Aço Balístico: Aço leve, altamente resistente, cortado a laser para não perder suas propriedades balísticas.

  As placas de materiais podem ser maleáveis ou pré-moldadas de acordo com as características das áreas a serem cobertas. Elas são fixadas na parte interna da carroceria por parafuso, rebite ou adesivo a base de poliuretano, fazendo uma sobreposição entre elas para que não haja pontos vulneráveis.
 
 
.
 
 Parte nº4 - Colocação dos vidros balísticos

 

Os vidros são substituídos por outros bem mais espessos, que vão de 18 a 38 milímetros dependendo do nível de proteção o vidro é a parte mais cara da blindagem. O vidro balístico é formada por várias lâminas de vidro comum, intercaladas por filme de polivinil butiral mais camada de plástico ultra resistente como acabamento interno, com alta resistência a riscos, e bordas revestidas com poliuretano para vedação. Alguns fabricantes ainda tem como acabamento interno a película anti-fragmentação.
..A curvatura original dos vidros é mantida sem causar distorção ótica. O vidro não produz estilhaços para o interior do veículo, resiste a impactos múltiplos e não se esfolia. A fixação no automóvel é feita com adesivo a base de poliuretano.Outra opção é a blindagem parcial, que costuma envolver apenas a porta do motorista. 
E existem acessórios específicos, como vidros à prova de bala ( a partir de US$ 4 mil) dependendo do material

 

Parte nº5 - Montagem e acabamento
.Nesta fase o veículo é montado novamente e conclui-se o processo com o acabamento em toda a parte interna.
 
Fonte: Empresas Especializadas

Todos os direitos reservados.
Revisado: February 24, 2002